sábado, 27 de outubro de 2012

Encarando como um spa!

Bom apesar de não ter nenhum exercício físico ainda é uma dieta, super restrita e está acontecendo. E sabe, não é de todo ruim. Essa semana eu vou me poupar de muitos carboidratos até porque eu não preciso de tanta energia pra ficar de repouso... heheh dormir é até melhor e queima muitas calorias.
Eu sei que o dia D de pesar é amanha, mas eu me pesei hoje. 81.6.
Mas minha dieta ontem se resumiu a um peito de frango grelhado com quase nada de azeite (não posso nenhum tipo de gordura nesses próximos meses), 3 vagens, 1 batata pequena e meia beterraba. Foi o que eu comi no almoço e no jantar. Café da manhã  foi uma maçã e 4 bolachas água e sal. Há quem diga que possa cafeina, há quem diga que não possa, então vou tomar somente no café da manhã. Meu lanche da noite foram dois copos cheios de suco. No mais eu dormi. Hoje não vai mudar muita coisa só que eu vou adicionar uns tomates cerejas e mudar a carne pra um patinho sem gordura. Mas não é tão terrível assim. vegetais são gostosos... Minha unica preocupação é que meu intestino tá preso. Desde que eu fui para o hospital não fui ao banheiro nenhuma vez. Dizem que se eu comer queijo, feijão, essas coisas é perigoso que eu tenha um diarreia, será que eu devo comer um minúsculo pedaço de queijo pra incentivar meu intestino a funcionar?!

Bom doente ou não, operada ou não, tá servindo pra perder peso... então o objetivo está sendo cumprido afinal! Vou encarar essa dieta e ausência de bebidas alcoólicas por dois meses, como uma ida ao spa. E em duas semanas eu volto pra ergometria, então... vai potencializar a coisa!

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Dieta Interrompida!

Esses últimos dias foram uma caixinha de surpresa!
Tive uma crise de dores na barriga, fui internada, e descobri que estava com pedras na vesícula. E com isso vou ter que interromper todo o meu ritmo de malhação, dieta e tudo mais. Porém eu ainda estou numa dieta pra lá de estranha, e que pelo que vejo vai ser basicamente carboidrato. Mas vou tentar manter a minha alimentação com pouco carboidrato, ficar mais nas carnes e vegetais. Vamos ver o que que dá!
Agora a prioridade é a minha recuperação. Mas me chateia interromper algo que está dando certo =/

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Um segundo post!

Eu tava aqui revisando o blog, mas reparei que eu não to colocando nada a respeito da minha alimentação.
A primeira semana na verdade não foi nada do que eu esperava. Não achei meu alho poró, então não tomei sopinha e muito menos vivi de salada. Eu prometo falar nada mais que a verdade. kkkk
Mas eu estou no princípio de não repetir um prato de comida, sem aquela gula maravilhosa de quando a comida tá muito gostosa.

- Café da Manhã:  Fruta
- Almoço: 1 pedaço de carne, 1 colher (grande, não é a de sopa) de arroz, 1 concha de feijão, verduras e legumes. To começando a comer pela salada, um prato de salada, e quando eu como a comida eu taco mais salada pro prato ficar beeeeeeem cheio. Um copo de suco.
- Lanche: Fruta
- Janta: Sopinha de pacote, de 70 a 100 kcal + 3 torradinhas, ou 4 bolachas com 1 quadradinho de polengui light.
- Lanche da noite: Barrinha de cereal ou fruta.

Eu gosto muito de salada de fruta. É ótimo pra regular o estomago.  Esses lanches eu como salada de fruta, ou só uma fruta, tanto faz. Mas quando optar pela salada não exagere, coma 1 copo daqueles pequenos.

Domingo de vez em quando eu como uma coisa mais pesada... mas se for comer uma super costela, pega a menos gordurosa e de acompanhamento faz uma maionese, uma coisa assim mais leve. Ou só uma farofa, sem o arroz, sem o feijão... tem que optar por uma coisa gostosa... não TODAS as coisas gostosas. E só uma vez no dia, só uma refeição.

Falar em comida to louca numa sopinha... to numa fome e só comi uma saladinha de fruta com a minha mãe. Tenham uma boa noite! :) Tomara que eu consiga achar o alho poró essa semana pra fazer meu caldo.


segunda-feira, 22 de outubro de 2012

O Elefante Branco!

Todo mundo tem aquele peso que nunca supera... no meu caso o 82. Eu sempre chego no 83,1 mas nunca no 82,9 ou 83,0. E advinha, hoje acordei e me pesei por curiosidade acordei com 82.5! Eu abati meu elefante branco. É obvio que eu sei que esse não é o meu peso real, sem comer, sem ter feito nada no dia, mas mesmo sem comer, ao acordar tinha um bom tempo que eu esperava pelo menos um 82,9 pra me dar esperanças. E sim, minha fé está renovada... Me deixou 10x mais feliz por comer salada ao invés de 2 pratos cheios de arroz com carne.
Quando se está empenhado, e se vê resultados é um grande avanço. Tem por volta de 1 ano que eu to tentando emagrecer. Fico num efeito sanfona gigante, emagreço 10 kg, ganho 10 kg... e pela primeira vez eu estou emagrecendo e mantendo. Minha pobre barriga é que o diga com suas estrias, que é uma consequência terrível de quem ganha muito peso. Mas agora, nessa fase, menos foco em pequenos detalhes como estria e celulite e mais foco na perda de peso.
Tomei uma decisão quanto a cirurgia. Eu não vou visitar nenhum médico antes de ter perdido 15kg pelo menos. Não quero me sentir humilhada de novo. Não que eu esteja falando que todo médico é babaca, só aquele em especial, mas por via das dúvidas e da minha saúde mental, eu vou continuar com a minha força de vontade e sem ajuda, que está dando muito certo. A única ajuda que ando tendo é do professor da Academia. Ele tá controlando meus exercícios, aumentando gradualmente. Isso é muito importante. A parte de musculação e ergometria principalmente. E tem que ser feito direito, pra não impactar os joelhos, ou machucar qualquer parte do seu corpo... eu comecei com 30 min de ergometria, hoje estou em 50min. Mas isso aumentado de acordo com a minha resistência, preparação. Não adianta se matar em um dia que não vai dar resultados, só uma lesão.
Bom tenho aula agora, então vou correndo pro banho e voar pra faculdade. Depois direto pra academia cumprir meu trabalho diario, com muita determinação depois dos resultados da semana anterior, com certeza!

domingo, 21 de outubro de 2012

Dia D!

Bom, acabei de pesar... 1kg a menos... Hoje meu peso é 83,4. Podia ter sido melhor, se eu tivesse dançado ontem podiam existir umas gramas a menos aí. Mas o terrível foi que eu tive uma dor de gases, insuportável ontem, quase não consegui dormir. Porém hoje eu faço toda a questão do mundo de passar pelo menos meia hora na frente do videogame no dance central.  Estou pensando em comprar aquele "your shape", mas não sei se é bom. Vou pesquisar mais sobre. Porque querendo ou não, dançar por mais que seja aeróbica é algo prazeroso, mas ligar o videogame pra malhar... não sei ainda... hehe.

Sexta feira ainda foi um dia com comida pesada, por mais que subway seja mais saudável do que um mc donalds, não deixa de ser pão com muuuuuito queijo (porque eu coloco adicional de cream cheese), e ainda tem o molho parmesão... o pão de parmesão! E bacon (comi o melt...) Então não é uma opção muito boa pra quem tá de dieta, mas depois da minha bebedeira (aniversário de uma amiga) eu tinha que comer algo pra não passar mal.

Vou tentar manter o mais saudável possível esse domingo. Pensando em uma saladinha bem caprichada, e nada mais... afinal ainda vou dar uma saída a noite, e tomei um café da manhã dos mais completos. Acho que vou fazer uma carne moida bem sequinha com muito alho, e jogar na salada de alface, tomate cereja, queijo frescal e cenoura ralada. De tempero só uma pitada de mostarda, azeite e limão. Talvez umas ervilhas in natura pra finalizar o prato...

Então, tenham um ótimo fim de semana...
e amanhã começa mais uma super batalha.

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Problemas

Bom, o mundo parece que quer partir na minha cabeça. Eu sei que obviamente é um blog a respeito de perder peso. Mas o que é perder peso sem uma mente equilibrada? Sua fome, seu humor, tudo faz parte de um universo interligado. Tem pessoas que comem quando estão desequilibradas. As vezes doces, e no meu caso massas.
Mas estou tentando mudar esse habito. Toda vez que eu me estresso agora eu vou pra academia. E sabe é meio que um jeito de aliviar a tensão. Malhar, colocar pra fora todos os sentimentos pelos poros é uma coisa boa. Mas sem exagerar, afinal todos temos um programa a cumprir, nada mais do que isso. Chamaremos de incentivo.
Como blog também é sobre desabafos, eu ando bem estressada com toda uma situação de namorado e tudo mais. Namoro a distância... dá pra imaginar. E isso tá me matando. Fora mil problemas com família, faculdade... como qualquer ser humano normal.
O que me serve de incentivo, afinal sou eu quem tem que sobreviver a tudo isso. Não anda sendo tão divertido passar por tudo isso, mas eu tenho que ficar bem comigo mesmo. E eu sei que meu peso influi no jeito que as pessoas me olham, só pelo cirurgião, e eu sei que meu relacionamento tem muito a ver com isso também. Tudo pela bela imagem da mulher "gostosa"  Não sei se determina totalmente o que é agora, mas eu sei que tem algo a ver com "o que eu poderia ser". As pessoas sempre tem expectativas quanto a imagem. Não é só a respeito de amor. Tem algo a respeito de ter orgulho de mostrar quem está do seu lado. E nós temos isso também. Não dá pra ser irônico quanto a isso. Todos tem um padrão a quem gostamos. Eu por exemplo adoro homens altos, não menos que 1.80. Claro que outro cara pode me surpreender, mas é o meu gosto. Não importo muito com corpo, mas é claro que se meu companheiro tiver um corpo ótimo, eu vou estar 10x mais atraída por ele. É um assunto difícil, cheio de tabu. Padrões de beleza sempre é. Eu mesma não estou feliz com o corpo que eu tenho agora. Como eu disse no primeiro post minha barriga me incomoda muito. Nem são celulites, e estar acima do peso, é não ter a segurança de me sentir bonita com uma calcinha pequena, e EU quero usa-las. Não vou ser uma magrela, meu corpo nem pode ser assim. Mas é estar ok para mim. Eu quero me sentir segura em uma lingerie. Estar segura com as minhas curvas. E só assim eu vou passar essa segurança ao meu parceiro.
Então essa é a minha batalha. A minha transformação. Sobreviver a todo esse caos e ficar bonita, confiante, porque quando você inspira confiança, as pessoas te admiram e te olham de um jeito diferente. E não adianta falar "ah você tem que sentir poderosa com o que você é", por que na verdade, todo mundo sobre inseguranças, todo mundo está preocupado com o que as outras pessoas pensam.
Então sim, eu quero ser uma pessoa admirada não só pelo minhas qualidades, que acreditem, eu sei que existem muiiiiitas, hehehe... Eu quero ser admirada por ser bonita, segura e atraente.

Acho que já foi um grande desabafo.
Tenham um bom dia.

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Estabelecendo regras...

Meu primeiro pensamento hoje na academia foi : "Deus, porque é tão fácil engordar e tão difícil emagrecer?"
Parece que as comidas de hoje são feitas pra grudarem em seu organismos, nas partes que você mais ama pra você começar odiar. Gosta do seu traseiro, pois ele vai ficar gordo! Gosta da sua barriga, é lá que vai nascer um pneu... É incrível. Mas vamos pensar em esvaziar esses pneus, e melhorar esses traseiros! Afinal, difícil não é impossível. Metas simples como eu disse é o mais importante. Começando com 1kg por semana, não mais, não menos... se eu emagrecer mais, ótimo, mas o ponto é alcançar esse primeiro.

E é tão difícil uma alimentação realmente saudável. Porque não é só botar verdura e fruta na mesa (que em 30% estão com nível de agrotóxico acima da média - nada saudável), mas saber balancear o que é muito ou pouco calórico. O que a gente precisa, e o que a gente deve evitar... mas esse assunto eu vou buscar mais a fundo e fica pro próximo post.

A principal de hoje é estabelecer regras dessa batalha.

1. Academia 4x por semana (Segunda a Quinta)

- 30 min de musculação (4 braços, 3 pernas)
- 50 min de ergometria (20 esteira, 20 elíptico, 10 bicicleta)

Hoje meu professor mudou meu esquema de treino, de acordo com ele o corpo só começa a realmente queimar mais caloria após uns 20, 30 min de aquecimento, por isso a musculação, que agora não é a minha prioridade está servindo de aquecimento, e a ergometria que é mais efetivo em queima de calorias e emagrecimento fica otimizado.

2. Dançar pelo menos 30min aos sábados e domingos ( E sexta feira eu sou filha de Deus, então descansar! e sair com o pessoal né!)

3. Tentar ao máximo manter uma dieta saudável, balanceada.

4. Pesar 1x por semana para acompanhar e comparar resultados. Domingo será o dia D.

5. Mesmo triste e chorosa compartilhar os resultados negativos, e lutar mais e mais para melhorar na semana seguinte.

Bom! Estabelecido. Agora é só cumprir as regras a risca e continuar em frente. Me desejem boa sorte...


terça-feira, 16 de outubro de 2012

O cirurgião.


Acabei de chegar de um consultório de um "Dito" cirurgião plástico.
Desde que eu virei plus size, a única coisa que me incomoda é o excesso de pele da barriga, que a fez cair, e pensei se teria como ter uma solução pra isso. E fui então a procura de um especialista.
Chegando ao consultório, tudo começou muito normal, mas eu estranhei o fato dele não me perguntar sobre a minha alimentação ou se eu fazia alguma atividade física. As perguntas foram meramente sobre meu peso, se eu fumava, idade e altura.
Após isso, ele me vira e fala sobre o imc, que está acima da média minima para um procedimento cirúrgico, e começa a me dar "conselhos".
Primeiro ele meio agressivo veio com certas conversas irônicas falando que era muito difícil perder peso. Que muita gente até se suicidava pelo insucesso. Que eu devia procurar um psiquiatra. Que não tem outra maneira na vida a não ser fechar a boca e ir malhar.
Minha mãe notando as insinuações e o tom de voz dele, tentou me defender, falando, "a Andréia tá ciente do sobrepeso dela, tá se cuidando". Ele mais do que depressa se virou pra minha mãe. "Ela não tá ciente, vocês não tem esconder... ela tá é obesa! Só tem duas soluções ou ela engorda e faz uma redução de estomago, ou vai procurar ajuda profissional"
Após a luta de 3 meses, 10kg a menos. E ainda na dieta e exercícios físicos diários, eu nunca me senti tão humilhada. Como se todo meu esforço não fosse nada. Uma postura profissional seria me explicar os riscos da cirurgia, ao menos fingir que me olhou, me indicar dieta e exercícios (já que ele nem se deu o trabalho de perguntar sobre isso) e pedir que eu retornasse após a meta cumprida para uma reavaliação. Agora insinuar que eu sou uma obesa suicida em potencial era a última coisa que eu esperava de um profissional da saúde.
Estou totalmente ciente do meu peso, e que eu tenho um longo caminho pela frente. Mas eu procurava por incentivo, e não por uma humilhação.

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Apresentação!

Olá. Me apresentando eu sou Andréia. Tenho 24 anos de idade, 84,4 kg; 1.50m de altura.
Sou aquela menina que sempre foi meio que popular, e sempre era atacada por causa disso. Tinha um corpo bonito, mas nunca percebi, afinal, quem está contente com o que tem? Hoje revendo alguns dos meus "fotologs" percebi o tanto que eu era iludida com essa de corpo perfeito. Eu tinha um corpo ótimo e ficava me martirizando me sentindo "A GORDA". Hoje sim, eu sou a gorda.

Mas não achem que eu estou aqui de baixa auto-estima não! Ainda tenho os meus encantos... hehehe. Depois de um rompimento de namoro, e alguns problemas familiares acabei entrando em depressão e engordei 30kg. Meu peso sempre era em média de 60, e no final tava pra mais de 90. Já emagreci cerca de 10kg com muito apoio, e ainda estou querendo mais.

MEUS OBJETIVOS:
Perder de 15 - 20kg até o fim desse ano

PORQUE?
Quero fazer um cirurgia plastica corretora. Meu excesso de pele não é muito bonito. Quero usar uma calcinha pequenininha sem culpa!

COMO?
Dieta e exercícios! Tem outro jeito?!

Voltando ao texto, pode parecer meio radical e rápido demais, mas tenho ainda 2 meses e meio pra essa peripércia. Se você for pensar, se eu emagrecer 1kg por semana, já darão 10kg a menos. Não é nada tão surreal assim, o ponto aqui é SEMANAL. Fica mais fácil se você pensar assim.  Então eu vou me esforçar bastante e vou colocando os resultados.

Pra começar eu quero limpar meu organismo. Então essa primeira semana, eu vou viver de saladas.  Muita folhagens, crutons de vez em quando e uma carne grelhada... coisa assim. Hoje mesmo vou ao supermercado e montar meu cardápio. Outra coisa importante é o alho-poró. Um caldo de alho poró é uma maravilha para limpar o organismo, além de ser muito gostoso.

Mesmo sendo quase fim de semana e véspera de feriado (vamos evitar ao máximo muuiiito álcool!) Eis o meu cardápio (ah sim, eu só acordo depois do meio dia, meu horário é totalmente contrário)

- 12h Almoço: 1 copo de suco de polpa + Salada + Carne

- 15h Lanche: 1 xícara de Salada de Frutas (abacaxi, banana, mamão, uva, etc) O meu segredo pra ela ficar bem gostosa e bem docinha sem o leite condensado, é uma colher grande (aquelas de arroz) de adoçante de confeiteiro (Eu uso o Tal e Qual) e um copo de polpa de laranja pra dar calda.

- 18h Lanche : Um bauru (Pão integral ou grãos) + Presunto + Queijo
(Eu faço academia de 3 a 4x por semana, só salada não vai me segurar em pé malhando!)

- 21h Jantar: Caldo de Alho Poró.

- 00h Lanche: Salada de Frutas

- 3h Lanche: fruta.


Esse é o meu plano. Me desejem boa sorte com essa primeira semana. Que vai ser a mais dificil, afinal, é FERIADO, com muito churrasco e cerveja espalhado por ai. Mas se rolar churrasco eu fico no vinagrete e uns poucos pedaços de carne... quanto a cerveja ou qualquer outra manifestação alcoólica, essa eu vou me segurar muuuuiito.