sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Problemas

Bom, o mundo parece que quer partir na minha cabeça. Eu sei que obviamente é um blog a respeito de perder peso. Mas o que é perder peso sem uma mente equilibrada? Sua fome, seu humor, tudo faz parte de um universo interligado. Tem pessoas que comem quando estão desequilibradas. As vezes doces, e no meu caso massas.
Mas estou tentando mudar esse habito. Toda vez que eu me estresso agora eu vou pra academia. E sabe é meio que um jeito de aliviar a tensão. Malhar, colocar pra fora todos os sentimentos pelos poros é uma coisa boa. Mas sem exagerar, afinal todos temos um programa a cumprir, nada mais do que isso. Chamaremos de incentivo.
Como blog também é sobre desabafos, eu ando bem estressada com toda uma situação de namorado e tudo mais. Namoro a distância... dá pra imaginar. E isso tá me matando. Fora mil problemas com família, faculdade... como qualquer ser humano normal.
O que me serve de incentivo, afinal sou eu quem tem que sobreviver a tudo isso. Não anda sendo tão divertido passar por tudo isso, mas eu tenho que ficar bem comigo mesmo. E eu sei que meu peso influi no jeito que as pessoas me olham, só pelo cirurgião, e eu sei que meu relacionamento tem muito a ver com isso também. Tudo pela bela imagem da mulher "gostosa"  Não sei se determina totalmente o que é agora, mas eu sei que tem algo a ver com "o que eu poderia ser". As pessoas sempre tem expectativas quanto a imagem. Não é só a respeito de amor. Tem algo a respeito de ter orgulho de mostrar quem está do seu lado. E nós temos isso também. Não dá pra ser irônico quanto a isso. Todos tem um padrão a quem gostamos. Eu por exemplo adoro homens altos, não menos que 1.80. Claro que outro cara pode me surpreender, mas é o meu gosto. Não importo muito com corpo, mas é claro que se meu companheiro tiver um corpo ótimo, eu vou estar 10x mais atraída por ele. É um assunto difícil, cheio de tabu. Padrões de beleza sempre é. Eu mesma não estou feliz com o corpo que eu tenho agora. Como eu disse no primeiro post minha barriga me incomoda muito. Nem são celulites, e estar acima do peso, é não ter a segurança de me sentir bonita com uma calcinha pequena, e EU quero usa-las. Não vou ser uma magrela, meu corpo nem pode ser assim. Mas é estar ok para mim. Eu quero me sentir segura em uma lingerie. Estar segura com as minhas curvas. E só assim eu vou passar essa segurança ao meu parceiro.
Então essa é a minha batalha. A minha transformação. Sobreviver a todo esse caos e ficar bonita, confiante, porque quando você inspira confiança, as pessoas te admiram e te olham de um jeito diferente. E não adianta falar "ah você tem que sentir poderosa com o que você é", por que na verdade, todo mundo sobre inseguranças, todo mundo está preocupado com o que as outras pessoas pensam.
Então sim, eu quero ser uma pessoa admirada não só pelo minhas qualidades, que acreditem, eu sei que existem muiiiiitas, hehehe... Eu quero ser admirada por ser bonita, segura e atraente.

Acho que já foi um grande desabafo.
Tenham um bom dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por me acompanhar! Se seu blog não estiver nos meus favoritos, me avise! Juntos em busca de uma vida saudável! =)